As exceções serão obedecidas!

As exceções serão obedecidas!

Olá, Amigos!

No artigo “PALMEIRAS X FLAMENGO Quem vai assistir?”, afirmei que, diante de verbos transitivos indiretos ou intransitivos, não se admite a transposição da voz ativa para a voz passiva.

Meus Amigos, em se tratando de Língua Portuguesa, devemos tomar muito cuidado com afirmações desse tipo, pois pode haver as famosas exceções.

Faz-se oportuno acrescentar a expressão “por via de regra” às informações do citado artigo.

Por via de regra, a transposição da voz ativa para a voz passiva só é admitida diante de verbos transitivos diretos ou bitransitivos (direto e indireto simultaneamente).

As exceções serão obedecidas!


OBEDECER e DESOBEDECER

Os verbos OBEDECER e DESOBEDECER são transitivos indiretos regidos pela preposição “A”.

Se o complemento for PESSOA, admite-se a substituição por A ELE(A)(S) / LHE(S).

Se o complemento for COISA, admite-se a substituição apenas por A ELE(A)(S); entretanto, algumas bancas consideram correta a construção com LHE(S).

Para ambos os complementos, não se admite a substituição por O(S) / A(S), uma vez que esses pronomes substituem objeto direto.

Mesmo sendo transitivos indiretos, admite-se a voz passiva.

Houve um tempo em que esses verbos eram transitivos diretos e a transposição para a voz passiva ocorria conforme a regra.

Tais verbos passaram a ser transitivos indiretos, porém a mudança de transitividade não extinguiu a forma da voz passiva. Trata-se, portanto, de exceções.

Obedeceremos às exceções. (VOZ ATIVA)

Obedeceremos a elas. (VOZ ATIVA)

As exceções serão obedecidas por nós. (VOZ PASSIVA)

O filho desobedeceu ao pai. (VOZ ATIVA)

O filho desobedeceu a ele. (VOZ ATIVA)

O filho desobedeceu-lhe. (VOZ ATIVA)

O pai foi desobedecido pelo filho. (VOZ PASSIVA)

Como é um assunto recheado de controvérsias, a transposição desses verbos para a voz passiva não costuma ser cobrada em concursos; quanto à regência...


JÁ CAIU EM PROVA!


1- CESGRANRIO/2012 – Petrobras – Engenheiro (Adaptada)

Em “deve-se obedecer o português padrão”, a regência do verbo obedecer respeita a norma-padrão.

CERTO (  ) ERRADO (  )


2- FCC/2014 – TRT/13ª Região – Técnico Judiciário (Adaptada)

Em “cessem de obedecer à sentença de Steiner”, o segmento sublinhado pode ser corretamente substituído por “obedecê-la”.

CERTO (  ) ERRADO (  )


3- CESGRANRIO/2008 – BNDES – Analista de Sistemas (Adaptada)

A regência do verbo “obedecer” é a mesma do verbo destacado em “ser aceito implica mecanismos mais sutis e de maior alcance”.

CERTO (  ) ERRADO (  )


4- IBFC/2013 – ILSL – Técnico em Radiologia (Adaptada)

Em “os bombeiros assistiram os desabrigados” e “o motorista não obedeceu a sinalização”, foi empregada corretamente apenas a regência do verbo “assistir”.

CERTO (  ) ERRADO (  )


5- CAIP-IMES/2013 – UNIFESP – Assistente em Administração (Adaptada)

Em “o Código de Trânsito, que poucos motoristas obedecem, deveria ser mais divulgado”, a regência verbal não está correta.

CERTO (  ) ERRADO (  )


COMENTÁRIOS


1- O item está ERRADO.

O verbo “obedecer” é transitivo indireto regido pela preposição “A”.

Corrigindo: “deve-se obedecer ao português padrão”.


2- O item está ERRADO.

Os pronomes O(S) / A(S) não substituem objeto indireto, desse modo, o segmento sublinhado pode ser corretamente substituído por “obedecer a ela”.

ATENÇÃO!

A FCC, mesmo o complemento sendo COISA (sentença), considerou correta a construção “obedecer-lhe”.


3- O item está ERRADO.

Como se pode perceber, o verbo “implicar” é transitivo direto, diferentemente do verbo “obedecer” que é transitivo indireto regido pela preposição “A”.


4- O item está CERTO.

O verbo “assistir”, no sentido de PRESTAR ASSISTÊNCIA/SOCORRER/AJUDAR, é transitivo direto; o verbo “obedecer” é transitivo indireto regido pela preposição “A”.

Corrigindo: “o motorista não obedeceu à sinalização”.


5- O item está CERTO.

A questão trouxe um tema bastante delicado: regência verbal diante de pronome relativo.

Para empregar a preposição correta diante de pronome relativo, a sugestão é substituir o mesmo pelo termo a que se refere, tornando mais fácil a visualização.

Como o verbo “obedecer” é transitivo indireto regido pela preposição “A”, a substituição fica assim: “poucos motoristas obedecem ao Código de Trânsito”.

Corrigindo: “o Código de Trânsito, a que poucos motoristas obedecem, deveria ser mais divulgado”.


Por hoje é só, meus Amigos!

Bons estudos!

Até breve!

Abraços!

Elias Junior

jlmeliasjunior@gmail.com

facebook.com/jlmeliasjunior