Dia do Professor!

Dia do Professor!

Olá, Amigos!

Tudo bem com vocês?

Dia 15 de outubro é o "Dia do Professor", uma data que nunca se passa em branco na minha vida! 

Logo cedo, começo a receber mensagens de alunos e alunas de todo o Brasil, parabenizando-me com palavras gentis e de gratidão!

Neste dia, sou sempre tomado por uma mescla de sentimentos, que vão da alegria por ser professor, até a tristeza por ver o quão os professores são desvalorizados em nosso País. 

Mas, hoje em particular, quero homenagear alguém que considero a melhor professora que já conheci em minha vida. 

A Dona Marilúcia já está aposentada há algum tempo. Mas ao longo de 30 anos esteve em sala de aula, com os pequeninos, alfabetizando-os, ensinando-lhes a ler e a escrever, e não apenas isso: ensinando-lhes a ser gente!

Lembro-me como se fosse hoje, eu ainda adolescente, acompanhando um dia de aula da "tia Marilúcia". Algo absolutamente inesquecível. O desafio de manter a atenção daquelas crianças no que estava sendo ensinado era uma verdadeira arte! Mas ela o conseguia, usando de uma paciência e de uma didática extraordinárias.

As crianças aprendiam sem perceber, com atividades lúdicas que despertavam a imaginação daqueles meninos e meninas.

Mais adiante, à arte de alfabetizar crianças somou-se a de alfabetizar adultos. E ela o fazia também com maestria! "Coloque um adulto na minha mão e eu lhe ensinarei a ler e a escrever em 3 meses", ela dizia. 

Hoje, passados todos esses anos, a Dona Marilúcia tem voz rouca. Traz consigo alguns calos em suas cordas vocais, herança de uma vida inteira dedicada ao magistério. 

E o que ficou disso tudo? Valeu a pena? Tenho certeza que sim! Nossa vida é marcada pela passagem de pessoas que fazem a diferença! Centenas de crianças tiveram a sorte de ser alunos da Dona Marilúcia, e certamente levaram consigo - mesmo que inconscientemente - lições que se eternizaram na sua formação humana.

Dona Marilúcia é o modelo em quem eu tento me espelhar! Um ex-aluno meu, o Thomas Jorgensen, primeiro lugar nacional no fiscal da Receita 2012, escreveu um depoimento dizendo que tinha dificuldades com as disciplinas exatas, mas que aprendeu comigo, porque "o professor Sérgio Carvalho dá aula para crianças". 

É o que eu tento fazer: seguir o exemplo da minha mãe, a Dona Marilúcia!

Obrigado, mãezinha, por ter feito deste País um lugar melhor!

Parabéns a todos os professores do Brasil!

Estamos juntos!

Um forte abraço a todos!

E fiquem com Deus!

Sérgio

olaamigos@gmail.com