Polícia Federal abre concurso com 500 vagas

Polícia Federal abre concurso com 500 vagas

Foi publicado nesta sexta-feira, dia 15 de junho, o edital do aguardado concurso público da Polícia Federal (PF). O certame conta com uma oferta de 500 vagas, sendo 150 para o cargo de delegado, 60 para perito criminal, 80 para escrivão, 30 para papiloscopista e 180 para agente.

>> PACOTE BÁSICO P/ CONCURSOS: Português, Informática, Raciocínio Lógico, Matemática, Estatística e vários outros cursos! BÔNUS: palestras do Prof. Sérgio Carvalho (motivação e técnicas de estudo) e Coaching Em Videoaulas! Clique aqui e conheça!

As inscrições terão início no próximo dia 19 de junho e o atendimento vai até 2 de julho. Elas poderão ser feitas somente pela internet, na página eletrônica da organizadora do certame, o Cebraspe (www.cespe.unb.br). As taxas serão de R$ 180 para os cargos de perito, escrivão, papiloscopista e agente e R$ 250 para delegado.

A aplicação das provas objetivas está marcada para ocorrer em 19 de agosto, em horário e locais que serão informados, oportunamente, pela comissão de organizadores do concurso da PF.

Para concorrer aos cargos de agente, papiloscopista e escrivão basta possuir curso de nível superior em qualquer área de formação. Para perito, nível superior em áreas específicas, e para delegado, superior em direito, com pelo menos três anos de atividade jurídica ou policial, comprovados na data da posse. Para todos os cargos, os aprovados também deverão possuir carteira de habilitação a partir da categoria “B”, quando da posse.

Estude Raciocínio Lógico para o concurso da PF com o Prof. Sérgio Carvalho! Clique aqui e conheça o Curso 100% focado no CESPE!

Normalmente, a lotação do concurso da PF é feita preferencialmente nos postos de fronteira e nos Estados do Acre, Amapá, Amazonas, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Pará, Rondônia e Roraima, permitindo a remoção de pessoal nestas localidades. Obedecidas estas condições, o preenchimento pode ser feito em todos os estados, de acordo com as necessidades.

A aplicação das provas da PF costuma ser feita em todas as capitais, exceto o exame oral, que ocorre somente em Brasília. 

Para os cargos de agente, papiloscopista e escrivão, a remuneração atual é de R$ 12.441, 26, já considerando o auxílio-alimentação de R$ 458. Além disso, as duas categorias contarão com reajuste em janeiro de 2019, subindo para R$ 12.980,50. Para perito e delegado, o inicial atualmente é de R$ 23.130,48, mas contará com reajuste em janeiro de 2019, quando passará para R$ 24.150,74.

Para todos os cargos, a jornada de trabalho é de 40 horas semanais.